Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/5164
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorNunes, Roberlânia Maria de Oliveira-
dc.contributor.advisor1Xavier Júnior, Antônio Erivando-
dc.contributor.referee1Macedo, Álvaro Fabiano Pereira de-
dc.contributor.referee2Prado, Alexsandro Gonçalves da Silva-
dc.date.accessioned2020-07-28T19:05:23Z-
dc.date.available2020-07-28-
dc.date.available2020-07-28T19:05:23Z-
dc.date.issued2017-05-11-
dc.identifier.citationNunes (2017) (NUNES, 2017)pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/5164-
dc.descriptionArtigopt_BR
dc.description.resumoA presente pesquisa teve por objetivo analisar o nível de conformidade, entre as estruturas das demonstrações contábeis divulgadas pelas capitais brasileiras, e as estruturas exigidas pelo Manual de Contabilidade Aplicado ao Setor Público (MCASP). Tendo como foco as demonstrações contábeis publicadas nos anos de 2014 e 2015. O instrumento de coleta ficou composto por 97 quesitos, distribuídos nas seis demonstrações contábeis e nas notas explicativas, conforme a necessidade de análise em cada demonstração. Verificou-se ao final da pesquisa, que em 2014, o percentual de conformidade foi de 51,12%. Em 2015, esse percentual teve um crescimento de 16,2%, chegando a um resultado de 67,32% de conformidade, no período. A região Norte, em 2014, obteve o melhor nível de conformidade, chegando a atingir 62,48%. Em 2015, quem atingiu o melhor nível de conformidade, foi a região sudeste com o resultado de 73,84% de conformidade. Entre as capitais o melhor resultado foi o de Palmas, em 2014, com 82,70% de conformidades em suas demonstrações. E em 2015, foi Fortaleza com um nível de conformidade de 84,52%. A demonstração contábil com maior conformidade nos anos de 2014 e 2015 foi o Balanço Orçamentário, com um percentual de conformidade de 87,5%, no ano de 2014 e chegando a um percentual de conformidade de 96,25% em 2015. Já a Demonstração das Mutações no Patrimônio Líquido (DMPL), foi a menos divulgada entre as capitais, o que gerou um baixo percentual de conformidade. Em 2014, a única capital que divulgou a DMPL foi Palmas. Já no ano de 2015, a DMPL foi divulgada pelas capitais: Boa Vista, São Paulo e Florianópolis.pt_BR
dc.description.abstractThe objective of this study was to analyze the level of compliance between the accounting frameworks disclosed by Brazilian capitals and the structures required by the Public Sector Accounting Manual (MCASP). Based on the financial statements published in the years 2014 and 2015. The collection instrument was composed of 97 items, distributed in the six financial statements and in the explanatory notes, according to the need for analysis in each statement. It was verified at the end of the research, that in 2014, the compliance percentage was 51.12%. In 2015, this percentage grew by 16.2%, reaching a result of 67.32% of compliance in the period. The North Region, in 2014, achieved the highest level of compliance, reaching 62.48%. In 2015, the one who achieved the highest level of compliance was the Southeast region with a result of 73.84% compliance. Among the capitals the best result was that of Palmas, in 2014, with 82.70% of conformities in its demonstrations. And in 2015, it was Fortaleza with a compliance level of 84.52%. The accounting statement with the highest compliance in 2014 and 2015 was the Budget Balance Sheet, with a compliance percentage of 87.5% in 2014 and reaching a compliance rate of 96.25% in 2015. The Statement Of the Mutations in Shareholders' Equity (DMPL), was the least disclosed among the capitals, which generated a low percentage of compliance. In 2014, the only capital that disclosed to DMPL was Palmas. In the year 2015, DMPL was announced by the capitals: Boa Vista, São Paulo and Florianópolispt_BR
dc.description.provenanceSubmitted by DepositoBOT BOT (depositobot@ufersa.edu.br) on 2020-07-28T19:05:23Z No. of bitstreams: 1 RoberlâniaMON_ART.pdf: 1031109 bytes, checksum: 1ae5e1c3579b2b1064c5319e7cb3bc37 (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2020-07-28T19:05:23Z (GMT). No. of bitstreams: 1 RoberlâniaMON_ART.pdf: 1031109 bytes, checksum: 1ae5e1c3579b2b1064c5319e7cb3bc37 (MD5) Previous issue date: 2017-05-11en
dc.description.sponsorshipTrabalho não financiado por agência de fomento, ou autofinanciadopt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal Rural do Semi-Áridopt_BR
dc.publisher.departmentCentro de Ciências Sociais Aplicadas e Humanas - CCSAHpt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFERSApt_BR
dc.relation.referencesNUNES, Roberlânia Maria de Oliveira.Demonstrações contábeis aplicadas ao setor público: um estudo de conformidade a luz da norma brasileira de contabilidade aplicada ao setor público. 31 f. Centro de Ciências Sociais Aplicadas e Humanas, Mossoró, 2017.pt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectProcesso de Convergênciapt_BR
dc.subjectNorma Brasileira de Contabilidade Aplicada ao Setor Públicopt_BR
dc.subjectDemonstrações contábeispt_BR
dc.subjectConformidadept_BR
dc.subjectConvergence Processpt_BR
dc.subjectBrazilian Standard of Accounting Applied to the Public Sectorpt_BR
dc.subjectAccounting statementspt_BR
dc.subjectConformitypt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADASpt_BR
dc.titleDemonstrações contábeis aplicadas ao setor público: um estudo de conformidade a luz da norma brasileira de contabilidade aplicada ao setor públicopt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
Appears in Collections:Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RoberlâniaMON_ART.pdf1.01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.