Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/5699
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Proposta de um modelo multicritério para avaliação da qualidade da infraestrutura turística dos municípios potiguares.
metadata.dc.creator: Freitas, Vivianne Rodrigues de
metadata.dc.contributor.advisor1: Peixoto, Joana Karolyni Cabral
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Gonçalo, Thomas Edson Espindola
metadata.dc.contributor.referee1: Peixoto, Joana Karolyni Cabral
metadata.dc.contributor.referee2: Gonçalo, Thomas Edson Espínola
metadata.dc.contributor.referee3: Aires, Renan Felinto de Farias
metadata.dc.description.resumo: O turismo é uma atividade econômica e uma prática social que ganhou expressividade no contexto do Rio Grande do Norte, especialmente, a partir da década de 1980, quando políticas públicas de turismo passaram a dar suporte efetivo à capitalização de alguns espaços, de forma a atrair os investimentos privados que logo se expandiram, marcando, como consequência, seu processo de turistificação. Para promover a diversificação dos atrativos e melhorar a qualidade da experiência dos viajantes, são necessários investimentos em obras de infraestrutura turística, isso é importante para preparar e promover o RN como um destino cada vez mais atrativo aos brasileiros e estrangeiros. O presente trabalho propõe um modelo para avaliar a qualidade da infraestrutura nos municípios com maior potencial turístico do RN. Para isso, o estudo definiu, junto à especialistas do ramo turístico, os critérios e pesos adequados para seleção das características a serem avaliadas nos municípios. O ranking de avaliação de melhor desempenho foi determinado com base na agregação das preferências dos especialistas isopor meio da utilização do método PROMETHÉE GDSS. A pesquisa fornece uma proposta de aplicação de um método claro, para identificar, dentre as cidades com maior potencial turístico do estado, as que têm o melhor e pior desempenho no que se refere à sua infraestrutura.
Abstract: Tourism is an economic activity and a social practice that has gained expression in the context of Rio Grande do Norte, especially from the 1980s, when public tourism policies started to effectively support the capitalization of some spaces, in order to attract private investments that soon expanded, marking, as a consequence, its touristization process. To promote the diversification of attractions and improve the quality of the travelers' experience, investments in tourism infrastructure works are necessary, this is important to prepare and promote the RN as an increasingly attractive destination for Brazilians and foreigners. The present work seeks to propose a model to assess the quality of infrastructure in the municipalities with the greatest tourist potential in RN, the study defined, together with specialists in the tourism industry, the criteria and appropriate weights for selecting the characteristics to be evaluated in the municipalities. The ranking of the best performance assessment was determined based on the aggregation of the experts' preferences using the PROMETHÉE GDSS method. The survey provides a clear method for identifying among the cities with the greatest tourist potential in the state those that have the best and worst performance in terms of their infrastructure.
Keywords: PROMETHÉE GDSS
Delphi
turismo
infraestrutura
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA DE PRODUCAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
metadata.dc.publisher.initials: UFERSA
metadata.dc.publisher.department: Centro de Engenharias - CE
Citation: Freitas (2020) (FREITAS, 2020)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/5699
Issue Date: 5-Feb-2020
Appears in Collections:Engenharia de Produção

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VivianneRF_MONO.pdf1.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.