Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/tede/467
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Irrigação com águas de níveis de salinidade diferentes aplicadas de acordo com a fase de desenvolvimento da mamoeira
Other Titles: With irrigation water salinity nívies different applied in accordance with the development of the castor bean
metadata.dc.creator: Costa, Maria Eugênia da
metadata.dc.contributor.advisor1: Gurgel, Marcelo Tavares
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Oliveira, Fábio Henrique Tavares de
metadata.dc.contributor.referee1: Silva, Francisco Valfisio da
metadata.dc.description.resumo: A mamoneira (Ricinus communis L), por apresentar capacidade de produzir satisfatoriamente sob condições de baixa precipitação é uma alternativa de grande importância para o semiárido brasileiro. Porém, atualmente tem sido estimulado o seu cultivo irrigado, uma vez que, em muitas situações, a irrigação é a única maneira de garantir a produção, principalmente em regiões tropicais de clima quente e seco, predominante no nordeste brasileiro. Esse experimento foi realizado com o objetivo de avaliar a influência da irrigação com água salina no crescimento e na produção da mamona (cultivar BRS Energia), além de monitorar a evolução de alguns atributos químicos do solo ao longo do ciclo da cultura. O delineamento experimental foi em blocos casualizados com seis tratamentos e cinco repetições. Os tratamentos resultaram da combinação entre fases de desenvolvimento da mamona (vegetativa e reprodutiva) e águas de diferentes salinidades (0,55; 2,16; 3,53 dS m-1). As avaliações de crescimento (altura de planta, diâmetro de caule e número de folhas) foram realizadas aos 20; 40; 60; 80; 100 dias após a semeadura. As coletas de solo foram realizadas concomitantemente às avaliações de crescimento, nas camadas 0-0,10; 0,10-0,30; 0,30-0,50m. Os atributos químicos do solo avaliados foram sódio trocável, percentagem de sódio trocável, condutividade elétrica e pH. Também foram avaliados alguns componentes de produção, como número e comprimento dos racemos, número e peso dos frutos, produtividade dos racemos e produtividade total. Os resultados indicaram que a irrigação com água salina durante todo o ciclo da mamoneira diminuiu a produtividade em aproximadamente 26%, quando comparado com a agua de baixa salinidade. A adoção do manejo das águas de diferentes salinidades aumentou acentuadamente os atributos Na+, PST e CE, porém nas condições estudadas não houve impactos negativos quanto a salinidade/sodicidade do solo
Abstract: The castor bean (Ricinus communis L.), due to its ability to produce satisfactorily under conditions of low rainfall is an alternative of great importance for the Brazilian semiarid region. Currently, however, has been stimulated their irrigated, since, in many cases, irrigation is the only way to ensure the production, mainly in tropical regions of hot, dry climate, which predominates in northeast Brazil. This experiment was conducted to evaluate the influence of irrigation with saline water on growth and yield of castor (BRS Energy), and monitor the evolution of some soil chemical properties along the crop cycle. The experimental design was randomized blocks with six treatments and five repetitions. The treatments consisted of combinations of phases of development of castor bean (vegetative and reproductive), and water salinities (0.55, 2.16, 3.53 dS m-1). Evaluations of growth (plant height, stem diameter and leaf number) were evaluated at 20, 40, 60, 80, 100 days after sowing. The soil samples were carried out concomitantly with the assessments of growth, the layers 0-0.10; 0.10 to 0.30, 0.30-0.50 m. The soil chemical properties were evaluated exchangeable sodium, exchangeable sodium percentage, electrical conductivity and pH. We also evaluated yield components, number and length of the racemes, number and weight of fruit, productivity and total productivity of the racemes. The results indicated that irrigation with saline water throughout the cycle of the castor bean productivity decreased approximately 26% compared with the water of low salinity. The adoption of management of water salinities increased sharply attributes Na +, PST and CE, but the conditions studied there was no negative impacts on the salinity / sodicity
Keywords: Soil salinity
Ricinus communis L.
irrigation
Production of castor
Salinidade do solo
Ricinus communis L.
Irrigação
Produção de mamona
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
metadata.dc.publisher.initials: UFERSA
metadata.dc.publisher.department: Ciência do Solo
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciência do Solo
Citation: COSTA, Maria Eugênia da. With irrigation water salinity nívies different applied in accordance with the development of the castor bean. 2012. 50 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Solo) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró, 2012.
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/tede/467
Issue Date: 27-Feb-2012
Appears in Collections:MESTRADO EM CIÊNCIA DO SOLO

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MariaEC_DISSERT.pdf1.04 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.