Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/4458
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
Title: Necessidade hídrica e adubação potássica no cultivo da abobrinha em ambiente protegido
metadata.dc.creator: Aquino, Fernando Caio de Freitas
metadata.dc.contributor.advisor1: Figueirêdo, Vladimir Batista
metadata.dc.contributor.referee1: Chaves, Sérgio Weine Paulino
metadata.dc.contributor.referee2: Dutra, Indalécio
metadata.dc.description.resumo: O Cultivo da abobrinha em ambiente protegido na região nordeste dispõe de poucos dados relacionados a demanda evapotranspirativa, também se dispõe de poucos dados referentes ao efeito da adubação potássica. O presente estudo tem por objetivodeterminar a produção, evapotranspiração e interação com adubação potássica no cultivo daabobrinha (Cucurbita pepo) variedade “Menina Brasileira”em ambiente protegido.A pesquisa foi desenvolvida em casa de vegetação, no município de Mossoró-RN,utilizando um sistema de irrigação por gotejamento automatizado.Os tratamentos consistiram da aplicação de cinco lâminas de irrigação (T)e duas doses de potássio (P), sendo estes: 120% da ETc(evapotranspiração a cultura) com potássio (T1P1), 120% da ETc sem potássio (T1P2), 100% da ETc com potássio (T2P1), 100% da ETc sem potássio (T2P2), 80% da ETc com potássio (T3P1), 80% da ETc sem potássio (T3P2), 60% da ETc com potássio (T4P1), 60% da ETc sem potássio (T4P2), 40% da ETc com potássio (T5P1) e 40% da ETc sem potássio (T5P2).A ETcfoi determinadausando micro-lisímetros de pesagem (SPL) e a umidade do solo por um sensor Capacitivo (SC) construído e calibrado. Foi determinado a Área Foliar(AF) e ao final do cultivo o Peso Médio dosFrutos por planta (PMF). O coeficiente de correlação acima de 99% para a calibração do SPL e do SC mostrou a eficiência dos sensores de pesos utilizados. Em comparação ao Kc estimado pelo método da FAO (KcFAO), oKc da testemunha T2 se mostrou superior nas três primeiras fases de desenvolvimento em 18%, 11,39% e 1,94% respectivamente, sendo inferior apenas na última fase em 13,48%. O Kc do T1 foi superior aos demais tratamentos como também superior ao KCFAO. A maior AF nas fases finais foi obtida com o tratamento T2, mas a maior produtividade foi obtida notratamento T1. Quanto a adubação potássica,as doses P2 obteve PMFmaiores nas duas menores lâminas, enquanto que nas outras lâminas de irrigação a dose P1 se mostrou mais produtiva.
Abstract: Zucchinicultivation in a protectedenvironment in thenortheastregionhaslittle data relatedtoevapotranspirativedemand, thereisalsolittle data regardingtheeffectofpotassiumfertilization. The presentstudyaimsto determine theproduction, evapotranspirationandinteractionwithpotassiumfertilization in thecultivationofthecourgette (Cucurbita pepo) variety “Girl Brazilian” in protectedenvironment. The researchwascarried out in a greenhouse, in themunicipalityof Mossoró-RN, usinganautomateddripirrigation system. The treatmentsconsistedoftheapplicationoffiveirrigationdepths (T) andtwo doses ofpotassium (P): 120% ofETc (evapotranspiration) withpotassium (T1P1), 120%ETcwithoutpotassium (T1P2), 100% ETcwithpotassium (T2P1), 100% ETcwithoutpotassium (T2P2), 80% ETcwithpotassium (T3P1), 80% ETcwithoutpotassium (T3P2), 60% ETcwithpotassium (T4P1), 60% ETcwithoutpotassium (T4P2), 40% ETcwithpotassium (T5P1) and 40% ETcwithoutpotassium (T5P2). The ETcwasdeterminedusingweighingmicro-lysimeters (SPL) andsoilmoistureby a constructedandcalibratedCapacitive sensor (SC). The LeafArea (AF) wasdeterminedandattheendofcultivationtheAverageFruitWeight per plant (PMF). The correlationcoefficientabove 99% for SPL and SC calibrationshowedtheefficiencyoftheweightsensorsused. ComparedtotheKcestimatedbythe FAO method (KcFAO), thecontrolKc T2 washigher in thefirstthreestagesofdevelopmentby 18%, 11.39% and 1.94% respectively, beingloweronly in thelastphase in 13,48%. T1 KcwashigherthanothertreatmentsbutalsohigherthanKcFAO. The highest PA in the final phaseswasobtainedwithtreatment T2, butthehighestproductivitywasobtainedwithtreatment T1. As for potassiumfertilization, the P2 doses obtainedhigher PMF in thetwosmallerirrigationdepht, while in theotherirrigationdephtthe P1 dose was more productive.
Keywords: Cucurbita pepo
Coeficiente de cultivo
Potássio
Fertirrigação
Cucurbita pepo
Zucchini
Cultivationcoefficient
Potassium
Fertirrigacion
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
metadata.dc.publisher.initials: UFERSA
metadata.dc.publisher.department: Centro de Ciências Agrárias - CCA
Citation: Aquino (2019) (AQUINO, 2019)
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/prefix/4458
Issue Date: 14-Aug-2019
Appears in Collections:Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FernandoCFA_MONO.pdf834.67 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.