Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/tede/547
metadata.dc.type: Dissertação
Title: Impacto dos investimentos socioambientais sobre a taxa de crescimento de empresas brasileiras
Other Titles: Impact of social and environmental investments on growth rate of brazilian companies
metadata.dc.creator: Ferreira, Vanessa Elionara Souza
metadata.dc.contributor.advisor1: Rocha, Leonardo Andrade
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Oliveira, Fernando Porfirio Soares de
metadata.dc.contributor.referee1: Nunes, Emanoel Márcio
metadata.dc.contributor.referee2: Medeiros, Marcos Fernando Machado de
metadata.dc.description.resumo: A atenção voltada para ações que envolvam responsabilidade social por parte das empresas tem sido um tema cada vez mais recorrente na literatura. O cenário econômico atual tem exigido das organizações uma postura mais ética e voltada para as questões socioambientais, indo além das questões financeiras tradicionais. Mais do que uma função social das organizações, os investimentos socioambientais passaram a representar uma estratégia competitiva. Diversos estudos têm analisado os impactos de tais investimentos sobre o desempenho econômico das organizações, porém não existe um consenso quanto a sua importância e nível de relação. Nesse sentido, o presente estudo tem como objetivo verificar a relação entre os investimentos socioambientais e a taxa de crescimento econômico de empresas brasileiras. Para isso, foi coletado no Balanço Social dados econômicos de uma amostra de 130 empresas, com publicações ao longo do período entre 2000 e 2008, e a partir dos dados em painel e com o auxílio de uma ferramenta estatística foi estimado um modelo de regressão buscando a visualização da relação entre os investimentos socioambientais e métricas de desempenho econômico, tais como a taxa dos resultados operacionais e líquidos da firma. Embora a relação entre os investimentos sociais externos e as taxas de crescimento aplicadas tenha consistido em um padrão no formato de uma curva U, os investimentos sociais internos e ambientais apresentaram, conforme esperado, um padrão no formato de uma curva U-invertida, segundo apresentado por Kuznets (1955), com base na quais foi possível verificar o nível de investimento que maximiza o desempenho da firma. Tomando conhecimento de tais valores podem-se identificar quais empresas operam em níveis abaixo do nível ‘ótimo’, sugerindo a taxa de crescimento necessária para alcançar os níveis de equilíbrio
Abstract: The attention focused on actions involving social responsibility by companies has been an increasingly common theme in literature. The current economic climate has required of organizations a more ethical and focused on social and environmental issues approach, going beyond traditional financial matters. More than a social function of organizations, social and environmental investments now represent a competitive strategy. Several studies have examined the impact of such investments on the economic performance of organizations, but there is no consensus about its importance and level of relationship. In this sense, the present study aims to investigate the relationship between social and environmental investments and the economic growth rate of Brazilian companies. For that, was collected on a database called “Balanço Social” economic data from a sample of 130 companies, with publications over the period between 2000 and 2008, and based on the data panel and with the help of a statistical tool was estimated a regression model seeking the visualization of the ratio between the environmental investments and economic performance metrics, such as the rate of operational and net results of the firm. Although the relationship between the external social investments and the applied growth rates has been to a pattern of the U-shaped curve, the internal social and environmental investments showed, as expected, a pattern of an inverse U-shaped curve, as presented by Kuznets (1955), based in which it was possible to verify the level of investment that maximizes the performance of the firm. Through the knowledge of such values can be identified which companies operate at levels below the 'optimal level', suggesting the growth rate required to reach the equilibrium levels
Keywords: Responsabilidade social
Investimentos socioambientais
Taxa de crescimento
Ddesempenho econômico
Balanço Social
Social responsibility
Social and environmental investments,
Growth rate
Economic
Balanço Social
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal Rural do Semi-Árido
metadata.dc.publisher.initials: UFERSA
metadata.dc.publisher.program: Programa de pós-graduação em Ambiente, Tecnologia e Sociedade
Citation: FERREIRA, Vanessa Elionara Souza. Impacto dos investimentos socioambientais sobre a taxa de crescimento de empresas brasileiras. 2016. 71 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós-graduação em Ambiente, Tecnologia e Sociedade, Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Mossoró, 2016
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.ufersa.edu.br/handle/tede/547
Issue Date: 26-Feb-2016
Appears in Collections:MESTRADO EM AMBIENTE, TECNOLOGIA E SOCIEDADE

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VanessaESF_DISSERT.pdf1.07 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.